top of page
Buscar

Como agir contra queimaduras no São João

As queimaduras no São João são um motivo de alerta para os cuidados que devem ser tomados nessa época do ano, especialmente em caso de acidentes. Afinal, nada melhor do que se divertir com segurança nas festas juninas.


Se ocorrer uma queimadura, é importante saber como agir para minimizar as consequências e aplicar o gel BurnFree para obter alívio imediato da dor. Confira as orientações a seguir.



Problemas relacionados às queimaduras


As queimaduras merecem atenção especial, mesmo durante os períodos festivos como o São João. Isso se deve ao fato de que a pele desempenha um papel vital no controle da temperatura corporal. 


Por isso, pacientes com queimaduras a partir do segundo grau sejam encaminhados a um centro de emergência devido aos riscos de complicações.


Uma das principais consequências das queimaduras graves, seja por contato com fogueiras acesas ou fogos de artifício, é a exposição da pele a germes e bactérias do ambiente, podendo resultar em doenças infecciosas.


Outras complicações incluem a perda de líquidos dos tecidos queimados devido à evaporação da água dos vasos sanguíneos, o que pode levar a um choque circulatório e, em casos graves, à morte.


Além disso, a inalação de ar quente também pode causar queimaduras, dificultando a respiração adequada e provocando lesões nos pulmões devido ao edema e à obstrução das vias aéreas.


Quais são os graus de queimaduras?


Uma dúvida muito comum é saber quais são os graus de queimadura e quando deve haver  preocupação o suficiente para procurar assistência médica. Os graus são e as recomendações são:


  • Queimaduras de primeiro grau: afetam apenas a camada externa da pele (epiderme). Os sintomas incluem vermelhidão, dor leve e inchaço. Geralmente, não há necessidade de atendimento médico, mas é importante manter a área afetada hidratada e protegida.

   

  • Queimaduras de segundo grau: alcançam a epiderme e a segunda camada da pele (derme). Os sintomas incluem bolhas, dor intensa e vermelhidão profunda. Neste grau, é importante procurar atendimento médico, especialmente se a queimadura cobrir uma área extensa ou estiver localizada em partes sensíveis do corpo, como rosto, mãos e pés.


  • Queimaduras de terceiro grau: atingem todas as camadas da pele e podem danificar tecidos subjacentes. A pele pode parecer branca, carbonizada ou com textura de couro. Essas queimaduras são extremamente graves e requerem atendimento médico imediato.


Como agir em caso de queimaduras no São João


Em caso de queimadura, as ações recomendadas por dermatologistas e bombeiros de resgate incluem afastar-se rapidamente da fonte de calor e resfriar a ferida em água corrente.


Lembre-se de não usar soluções caseiras comuns, como pasta de dente, manteiga, clara de ovos ou babosa. Além causar possíveis irritações, essas substâncias podem agravar a lesão da queimadura e piorar a situação.


Também é importante remover acessórios do corpo, como anéis e pulseiras, para evitar que eles causem mais danos à pele machucada. Queimou? Use o gel BurnFree.


Queimou? Passa o gel BurnFree


Para sentir alívio imediato das dores da queimadura, passa o gel BurnFree. Ele é o único que hidrata, resfria a pele queimada e traz sensação de conforto na pele após o acidente.


O gel BurnFree pode ser utilizado para queimaduras leves e graves, mas não substitui o tratamento médico em casos de queimaduras de segundo ou terceiro grau.


Além disso, o BurnFree não causa alergia e pode ser utilizado em idosos e crianças. Encontre o gel BurnFree nas farmácias da sua região.


Seguir essas orientações e utilizar o gel BurnFree pode ajudar a minimizar os danos das queimaduras e proporcionar alívio rápido. No entanto, em casos mais graves, procure assistência médica imediatamente para garantir um tratamento adequado e evitar complicações.


0 comentário

Comments


bottom of page